Pular para o conteúdo principal

Análise: DREDGE

 


- Depois de passar um bom tempo desbravando os oceanos para pescar os mais variados tipos de peixes, até mesmo tesouros, eis que venho até você falar um pouco sobre DREDGE. Porém, antes de mais nada, gostaria de agradecer a Team17 por tornar essa análise possível me enviando a chave do jogo... No mais, vamos ao que interessa, né?!

Sobre o jogo:

DREDGE é um RPG de ação, aventura e simulação de pesca desenvolvido pela Black Salt Games e publicado pela Team17 para as plataformas Nintendo SwitchPlayStation 5PlayStation 4Xbox Series X|SXbox One e PC (Steam) no dia 30 de março de 2023.

- O jogo possui um visual cartoonizado de encher os olhos, muito bem desenhado, com cenários e personagens bem trabalhados e alguns bem exóticos. No quesito trilha sonora o game não deixa a desejar, se destaca por possuir músicas que combinam perfeitamente com os diversos locais do jogo, além daquela musiquinha relaxante enquanto veleja por aí a procura do peixe ou tesouro desejado.

- Em DREDGE você assume o papel de um pescador que, no comando de seu barco de pesca, explora o oceano e ilhas remotas, além de passar por perigos bem naquela pegada HP Lovecraft, onde está sujeito à falta de sanidade e aos ataques dos horrores que abitam as profundezas do oceano ainda desconhecidos.


Gameplay:

- Assim como em todo bom RPGDREDGE possui um mapa razoavelmente grande com uma infinidade de locais para se explorar, além de vários itens e peixes para serem pescados caso esteja disposto a completar a enciclopédia do jogo, que é enorme, diga-se de passagem. E já que falamos dela, a enciclopédia registra os dados de todos os peixes pecados por você ao longo do jogo, apresentando informações importantes como: Nome, quantas vezes aquele peixe foi pescado, locais onde podem ser encontrados, preço de venda, maior tamanho já pescado, tipo de equipamento a ser usado para pescar aquela espécie de peixe e por fim, mas não menos importante, as formas anômalas (que nada mais são do que peixes que sofreram algum tipo de mutação no oceano).


- Além disso, também podemos fazer melhorias em nosso barco utilizando recursos encontrados em naufrágios na costa ou em alto mar, eles nos garantem maior espaço no compartimento de carga para armazenar pescados, varas de pesca, redes, motores, faróis, etc. Outra mecânica disponível no jogo é a de pesquisa de equipamentos, que através da troca de um item específico adquirido ao fazer missões, pescando em destroços de barcos afundados ou mesmo comprando por um preço meio salgado no NPC, você consegue liberar novos equipamentos de pesca e acessórios na loja, que vão te auxiliar na sobrevivência em alto mar, principalmente à noite.

- O jogo possui um sistema de dia e noite que funciona da seguinte forma: Enquanto você navega ou está parado pescando, o tempo vai passando gradativamente, mas fica parado se você parar em algum local e simplesmente não fazer nada (creio eu que esse foi um método encontrado para evitar que o tempo passasse facilmente enquanto você estaria parado se escondendo de alguma coisa que estivesse te perseguindo no mar).


- Vale lembrar que fazendo missões, você também é capaz de desbloquear algumas "Skills" que te ajudarão a escapar do perigo eminente das criaturas monstruosas em alto mar, e já que tocamos nelas, bem... São criaturas perigosas e anomalias que aparecem majoritariamente à noite, mas algumas podem ocorrer durante o dia, então tome cuidado, pois elas podem ser leviatãs, trombas d'água, nevoeiros que te fazem perder a sanidade, barcos fantasmas (estes eu chamo assim porque não consegui achar outro termo que melhor os classificasse, pois são basicamente embarcações que te perseguem e colidem com seu barco a fim de te afundar), bichos esquisitos com vários tentáculos, corvos desgraçados que roubam seus peixes e por aí vai — Lembrando que à noite, se você não tiver bons faróis para iluminação do ambiente a sua volta ou simplesmente jogou os que tinha fora para desocupar espaço para carregar mais peixes e/ou tesouros, saiba que você corre um sério risco de bater nas rochas ou ilhas presentes pelo mapa e acabar afundando.


- O jogo também possui várias missões opcionais e alguns coletáveis que te ajudam a compreender melhor a história do jogo, mas não pense que essas missões são moleza de se fazer só por serem opcionais! Algumas delas envolvem pesca de peixes específicos para serem feitas, o que de fato não é tão difícil de fazer, mas torna-se demorado dependendo de onde elas são nativas e do horário que podem ser pescados, pois alguns só aparecem de dia, outros só à noite e os demais em qualquer horário.

DREDGE roda liso na Nintendo Switch, embora tenha telas de carregamento demoradas, mas como eles ocorrem somente ao iniciar o jogo ou ao carregar o último save depois de ter morrido de forma horripilante para as criaturas ou ter se chocado com as rochas, podemos fazer vista grossa, né? No mais, ele se encontra completamente em português e até a data desta análise já possui uma pequena DLC que adiciona alguns equipamentos a mais à sua aventura, três conteúdos gratuitos e um pago anunciados — O primeiro update gratuito já foi realizado.

- E para finalizar, o game possui um ótimo custo benefício, pois cumpre com folga sua proposta e proporciona muitas e muitas horas de jogatina e para quem está preocupado com espaço, ele ocupa apenas 1,1GB da capacidade do seu Micro SDXC, não se preocupe. Agora, quero que me digam o que acharam desse jogo, pois sua opinião é extremamente importante para nós.

- Para comprar o Nintendo Switch, basta clicar aqui;
- Para comprar os jogos, clique aqui;
- Para comprar outros produtos, clique aqui;
- Para promoções de jogos na eShop, clique aqui.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nintendo Switch: Como Solucionar O ERRO 9001-2470!

(Imagem Ilustrativa.) - Se você é dono de um Nintendo Switch, com certeza já passou por esse problema ou ficou sabendo de alguém que tenha passado em algum momento, não é mesmo? Pois bem, para você que ainda não passou por isso (como eu) e que ainda não sabe do que se trata, eu te explico. O erro em questão ocorre quando você tenta comprar um jogo, seja na eShop BR ou numa eShop gringa, utilizando um cartão de crédito. - A mensagem recebida pelos usuários que já relataram passar por esse problema, é:  " Código de erro: 9001-2470 Não é possível usar este cartão de crédito. " e como são muitas as pessoas tendo problemas com esse maldito erro, cá estou para tentar ajudar você a gastar seu suado dinheirinho com a Nintendo caso isso também esteja lhe causando transtornos. - Antes de mais nada, é importante ressaltar que a Nintendo já está ciente do problema e fornece ajuda aos seus usuários através do suporte online em seu próprio site oficial e que o problema não acorre somen

Sousou no Frieren: Mangá entra em hiato por tempo indeterminado!

- Segundo a edição mais recente da revista Shonen Sunday , o mangá Frieren e a Jornada para o Além ( Sousou no Frieren ) entrou em hiato, sem previsão de retorno. O premiado mangá é serializado desde abril de 2020 na revista Weekly Shonen Sunday , com nove volumes encadernados até então pela Shogakukan . - A título de curiosidade, a obra é escrita por Kanehito Yamada e ilustrada por Tsukasa Abe , além disso, já tem uma adaptação em anime anunciada para estrear este ano. No Brasil, o mangá é publicado pela editora Panini . Você pode conferir a capa do primeiro volume abaixo: Sinopse: A história depois de um grupo de heróis terem derrotado o Rei Demônio. Você acompanhará Frieren, uma elfa diferente dos seus três companheiros de viagem. Você verá o que ela viveu no mundo, o que ela sentiu depois da aventura ter terminado. E ainda, sua relação com os que ficaram e o que seria a oração para os mortos... “Essa história começa depois que a aventura termina”. “Uma fantasia pós-aventura que

Tudo o que você precisa saber sobre os cartões Micro SD!

- Resolvi deixar um pouco de lado as notícias sobre games para ganhar uma quantidade razoável de tempo a mais para ser capaz de produzir alguma coisa que fosse útil a vocês para facilitar suas compras e evitar prejuízo comprando a coisa errada ou algo do tipo, então, cá estou para falar sobre os cartões Micro SD. Muita gente andou me perguntando como saber quais são os melhores para se utilizar nos nossos queridos consoles e eu não podia deixá-los na mão. - Pois bem, antes de mais nada, é preciso que você entenda o que significa o termo Micro SD e quais os tipos diferentes de cartões existentes, então, confira as informações abaixo: Micro SD (Secure Digital): São cartões que variam de 4MB a 2GB de capacidade; Micro SD HC (Secure Digital High Capacity): São cartões que variam de 4GB a 32GB de capacidade; Micro SD XC (Secure Digital Extended Capacity): São cartões que variam de 64GB ao infinito e além. *Na prática, isso serve para que você saiba identificar onde vai colocar o cartão,